Anuncio top


Anuncio top


Saúde do Trabalho

Saúde Mental: O que sua empresa pode fazer a respeito?

Falar sobre saúde mental está se tornando, a cada dia, tão importante quanto falar sobre saúde física. É evidente que um equilíbrio psicológico é fundamental para um melhor desempenho e bem-estar. Contudo, no ambiente de trabalho esse assunto ainda é considerado um tabu, gerando receios de abordá-lo ou, até mesmo, procurar ajuda.

Problemas psicológicos já é a segunda maior causa de abstenção no trabalho. Segundo a OMS, é estimado que a ansiedade e depressão tem um custo global de aproximadamente US$ 1 trilhão em perda de produtividade. Uma pesquisa realizada no Reino Unido, aponta que funcionários foram dispensados ao tratar do assunto com seus superiores: 6% foram forçados a sair e 2% demitidos.

Grande parte do dia de um adulto é gasta no ambiente de trabalho, por isso a experiência neste local deve ser adequada e garantir o bem-estar do funcionário. Ambientes que promovam boas condições para uma saúde mental melhor e apoiam pessoas nestas condições tendem a reduzir ausências e aumentar a produtividade.

Riscos à saúde mental

Um ambiente de trabalho negativo pode levar a problemas de saúde física e mental, gerando faltas e perda de produtividade. Em casos mais extremos, pode levar ao uso abusivo de drogas ou álcool.

Os riscos para saúde mental no ambiente de trabalho incluem:

  • Políticas inadequadas de saúde e segurança;
  • Práticas ruins de comunicação e gerenciamento;
  • Participação limitada nas tomadas de decisão ou baixo controle sobre o espaço pessoal de trabalho;
  • Falta de apoio aos funcionários;
  • Horas de trabalho inflexíveis;
  • Falta de clareza nas tarefas ou objetivos organizacionais.

O conteúdo do trabalho também pode ser um fator de risco, como tarefas inadequadas para as competências do funcionário ou carga de trabalho excessiva.

Bullying ou assédio psicológico são as causas mais comuns de estresse no trabalho e apresentam um risco alto para a saúde. E, normalmente, são associadas tanto com problemas psicológicos como físicos. Podem impactar até mesmo na família do indivíduo e em suas interações sociais.

Um ambiente de trabalho saudável é possível

Criar um ambiente de trabalho saudável e acolhedor para todos os funcionários depende de um esforço contínuo de gerentes e do setor de Recursos Humanos. É preciso que seja feita uma análise profunda nas relações entre os funcionários da empresa, não apenas a implementação de programas com atividades direcionadas. Até mesmo situações corriqueiras podem gerar desgaste psicológico no indivíduo.

O Fórum Econômico Mundial publicou um guia global com as principais diretrizes que ajudam a nortear as empresas na adoção destas medidas. Sugere-se as seguintes boas práticas:

  • Implementação e reforço de políticas e práticas de saúde e segurança, incluindo a identificação do uso perigoso de substâncias psicoativas e doenças e fornecendo recursos para gerenciá-los;
  • Informar aos funcionários que existe ajuda disponível;
  • Envolver funcionários em tomadas de decisão, passando um senso de controle e participação;
  • Práticas organizacionais que apoiam uma rotina de trabalho saudável;
  • Programas de desenvolvimento profissional para funcionários;
  • Reconhecimento e premiação pela contribuição dos funcionários.

Dando o primeiro passo

Iniciativas de saúde mental devem ser parte de uma estratégia integrada que compreenda prevenção, identificação, apoio e reabilitação. É um processo que deve fazer parte da cultura organizacional da empresa. Os benefícios são diversos, incluindo econômicos. Para cada 1 dólar investido, há retorno de 4 dólares em produtividade, segundo a OMS.

LEAVE A RESPONSE

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *