Anuncio top


Anuncio top


Segurança do trabalho

Espaço Confinado: Fique por dentro da NR 33

De acordo com a NR 33, todo espaço não projetado para ocupação humana contínua, com meios limitados de entrada e saída, cuja ventilação é insuficiente para remover contaminantes e oferecem riscos aos trabalhadores, é denominado de Espaço Confinado.

Inspeção de reservatórios ou equipamentos, dutos, elevadores, poços, tanques, silos, chaminés, galerias de rede de esgoto, são alguns dos exemplos de trabalhos realizados em espaços confinados e a sua execução requer cuidados extremamente importantes.

Identificação 

O primeiro passo antes de iniciar as atividades é identificar todos os riscos que os trabalhadores estarão expostos, bem como as medidas preventivas.

Essa análise é individual e deve ser feita uma para cada área, atividade ou equipamento que necessite desse tipo de trabalho.

 

Responsável técnico 

É responsabilidade do empregador designar o responsável técnico para representá-lo. O profissional deverá identificar os espaços confinados, verificar todos os riscos existentes e colocar em prática as medidas de segurança e saúde do trabalho.

Também é de responsabilidade do técnico orientar a função de casa trabalhador e providenciar as capacitações necessárias para a realização das atividades.

 

Acesso 

A entrada nos espaços confinados precisa ser rigorosamente controlada. O acesso à área que está sendo trabalhada precisa estar sinalizado e ser restrito. Somente pessoas autorizadas e com acompanhamento do supervisor técnico é que podem entrar nos espaços.

 

Permissão de Entrada e Trabalho

A PET tem que ser emitida a cada trabalho realizado nos espaços confinados. Ela é o documento que contém todas as informações sobre as medidas de segurança e emergência que precisam ser tomadas durante a atividade.

O supervisor é o responsável por sua emissão e pelo encerramento, depois de terminado o serviço.

 

EPIs

É responsabilidade dos trabalhadores usar os equipamentos de proteção individual e coletivo oferecido pela empresa. Os mais usados nesses serviços são: capacetes, luvas, botas, óculos, trava-quedas, cinto de segurança, dispositivos de bloqueio e etiquetagem.

 

Resgate

O empregador também precisa implantar os procedimentos de emergência que garanta atendimento e resgate adequados caso ocorra algum acidente.

 

Treinamento 

Dentro desses espaços a ventilação é tão baixa que os cuidados com explosão, incêndios e asfixia são redobrados.

Quem exerce essa atividade precisa ter avaliação médica atualizada e específica para a função, com emissão do Atestado de Saúde Ocupacional.

Além dos cuidados com a saúde, é necessário a capacitação profissional. Para obedecer às exigências da NR 33, todo trabalhador precisa de treinamento com certificação, que aborde os riscos, as medidas de controle, de emergência e de salvamento.

A Safe, pioneira em Medicina e Segurança do Trabalho, ministra em todo território nacional o curso de capacitação para trabalhos em Espaços Confinados. Entre em contato conosco e fique em dia com as exigências estabelecidas pela NR 33.

 

LEAVE A RESPONSE

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *