Anuncio top


Anuncio top


imagem de uma mulher abraçando um travesseiro
Qualidade de vida Saúde do Trabalho

Dormir bem faz bem!

Uma noite de sono com qualidade, é o primeiro passo para sentir-se realmente bem no dia seguinte. Dormir é dar ao corpo e a mente uma oportunidade de descansar e recuperar o desgaste das atividades diárias.

Uma noite de sono pode mudar o humor, o comportamento e a aparência de uma pessoa em poucas horas.

Isso ocorre, porque enquanto dormimos, os músculos relaxam, a temperatura corporal abaixa, o organismo recupera as células, o coração e o cérebro trabalham devagar, a respiração fica mais lenta e a pressão arterial e digestão diminuem.

Tudo isso faz com que o corpo poupe energia e esteja pronto e renovado para enfrentar o dia seguinte.

Relógio Biológico

Não existe uma duração ideal para o sono. Depende do corpo e organismo de cada pessoa. Alguns dormem quatro horas e sente-se bem no dia seguinte, já outros necessitam de no mínimo oito horas para acordarem com as energias renovadas.

O ser humano é basicamente diurno, mas existem pessoas matutinas, que são mais ativas pela manhã, e vespertinas, que tem maior rendimento no período da tarde. Porém os médicos afirmam que a noite foi feita para dormir.

Quando isso não é possível, como no caso dos trabalhadores noturnos, a principal recomendação é que se deve inverter o relógio biológico, dormindo sempre de dia, para que de noite haja disposição necessária ao executar as atividades laborais.

Distúrbios do sono

Para muitos brasileiros, a hora de dormir não é das mais agradáveis. Isso porque uma parcela significativa da população, sofrem de insônia.

A insônia não é uma doença, mas um sinal de que algo não vai bem no organismo. Ela pode ser causada pelo estresse, ansiedade, depressão, abuso de medicamentos e hábitos inadequados como má alimentação, beber, fumar, sedentarismo, entre outros.

De acordo com a Associação Brasileira do Sono, estima-se que 73 milhões brasileiros não conseguem dormir direito. Se a insônia persistir por alguns dias, semanas e até meses, um médico deve ser procurado para avaliar as reais causas desse distúrbio.

Outro problema que pode afetar o sono é a apneia, caracterizada por paradas respiratórias durante a noite. Essa é uma doença grave, que pode até levar até à morte se não for tratada rapidamente.

Os sintomas são ronco, sono agitado, despertares noturnos, sonolência durante o dia e falta de memória. Quem sofre desse problema precisa manter-se com um peso ideal, e se possível, levantar a cabeceira da cama em aproximadamente 15 centímetros para dormir com o tronco mais elevado.

Há diversos distúrbios do sono e o melhor remédio é a prevenção, através de uma vida mais saudável, com alimentação balanceada, práticas de atividades físicas, criar um ambiente no quarto livre de aparelhos eletrônicos e barulhos, são algumas das atitudes para garantir noites melhores de sono.

Acidentes de Trabalho

Tentar dormir e não conseguir, despertar no meio da madrugada ou sentir sono no meio da tarde. Todo mundo, em algum momento já passou por tais situações e sabe que uma noite bem dormida não tem preço.

É no trabalho que geralmente vamos sentir os efeitos de uma noite tumultuada de sono. Há queda na produtividade e os riscos de acidentes aumentam, devido à perda de reflexos e lentidão na tomada de decisões.

Esses riscos ficam muito mais sérios se os trabalhadores estiverem manipulando equipamentos pesados, perigosos ou de locomoção, transportando cargas ou pessoas.

Por isso é importante atentar-se aos sinais. Sonolência e cansaço excessivo durante o trabalho, são indícios de algo não está bem e o médico deve ser procurado imediatamente, para avaliação e tratamento adequado.

Reconhecer no decorrer do dia, momentos para uma pausa, são fundamentais na prevenção de acidentes. Levantar um pouco, caminhar, tomar uma água ou um café, fazer alguns exercícios de alongamento e de respiração, ajudam na circulação sanguínea e estimulam ao retorno das atividades laborais.

LEAVE A RESPONSE

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *